Pesquisa: modelo formatado

Este é um arquivo em fomato .doc já com as partes principais da pesquisa todas divididas. Mãos à obra!
http://dl.dropbox.com/u/8335611/ceb/modelo_de_pesquisa.doc

Anúncios

Pesquisa sobre o samba: temas

Há muitas boas ideias circulando entre os grupos para nossa pesquisa sobre o samba. Vou procurar citar neste post algumas boas fontes para discussão de alguns temas que vocês selecionaram. À medida que novas fontes surjam, atualizo o texto. Façam suas sugestões nos comentários.

Alegria / Felicidade

Um dos primeiros sambas a receber gravação no Brasil, Pelo telefone (gravado por Donga em 1917), anuncia em seus versos: “É deixar mágoas pra trás, ó rapaz / Ai, ai, ai / Fica triste se és capaz e verás”, celebrando a alegria atribuída ao Carnaval. Diz uma conhecida canção de Tom Jobim e Vinicius de Moraes: “Tristeza não tem fim / Felicidade sim”. Pois é a partir dela que o programa de rádio Contando Música, apresentado por Ivan Santos, apresenta um repertório bem eclético onde a alegria (e, por extensão, felicidade) é o assunto principal, mostrando que esse é um tema importante não só no samba, mas na música brasileira como um todo.

1º bloco do programa


Tristeza

Ironicamente, a tristeza está de mãos dadas, muitas vezes com a alegria, seja como oposto desta, seja como seu “fantasma”: quando a alegria acaba, a tristeza assume inevitavelmente o posto. Para o sambista, a tristeza pode ser uma aliada: “Mas pra fazer um samba, um samba com beleza / É preciso um bocado de tristeza / Senão não se faz um samba, não”, diz outra letra de Vinícius de Moraes. A tristeza marcou a época do samba-canção (não, não se trata de um tipo de cueca), além de muitos outros gêneros de samba. É um dos grandes temas do samba brasileiro.


Amor

Um dos grandes temas universais não só da música, mas da literatura, do teatro, do cinema, enfim. Também por isso é um dos mais difíceis para ser trabalhado em nossa pesquisa. Na hora de definir o tema, pensem, por exemplo, em algumas questões: de que tipo de amor vamos falar? Amor de mãe, de pai, dos avós? Amor correspondido? Amor platônico? Amor doentio? Amor proibido? É a partir dessas perguntas que este tema vai ficar menos genérico e, portanto, mais fácil de ser analisado nas canções.


Saudade

Se excluirmos o amor, que para muitos é o “grande tema” da humanidade – ou aquele que motiva todos os demais -, seria fácil criar uma santíssima trindade do samba baseada em 3 temas; os dois primeiros desta lista e mais a saudade. “Não perde sentido o lamento / Nem o meu pranto de dor / Não existindo saudade não existe amor”, cantam os versos do samba “Saudade e Flores” (do grupo Os Originais do Samba). Já a canção de Arlindo Cruz é mais direta: “Fiz uma canção / Pra declarar minha saudade / Do tempo em que a alegria dominou meu coração”. A saudade é mais focada, há alguém de quem se sente saudade. Pense nestas questões e nas outras que discutimos em sala de aula e faça a sua própria leitura das letras escolhidas.

Dica de Cinema: Escritores da Liberdade

Um filme sobre os desafios de uma educadora em uma escola violenta, com alunos marginalizados e fragmentada pelas guerras de gangues “étnicas” (latinos, chineses, negros, brancos). Uma lição sobre persistência e coragem e sobre como a literatura pode mudar vidas.

Escritores da Liberdade
País: EUA
Título original: Freedom Writers
Ano: 2007
Tempo: 123 min
Gênero: Drama

Escritores da Liberdade

Questionário sobre hábitos de leitura

Uma das tarefas que irão compor a nota de participação é este questionário que preparei para conhecer mais sobre os hábitos de leitura de vocês. Preencham com a máxima sinceridade e atenção. Todos os campos são obrigatórios.

Clique aqui para acessá-lo.

[se és um professor buscando por uma versão editável deste questionário, deixa uma solicitação disso com teu e-mail nos comentários deste post; assim que puder, envio uma cópia editável]

Pesquisa Escolar: roteiro básico

Fazer pesquisa, segundo o linguista e professor Marcos Bagno¹, é bem mais que oferecer um tema e estipular uma data de entrega. Envolve planejamento, definição de metas, prazos, escolha de fontes, enfim… é uma tarefa que deve ser feita a partir de várias etapas e seguindo um projeto. Visivelmente guiada pelas ideias do referido autor, Sabrina Vilarinho elaborou um roteiro para pesquisa escolar bem compacto e efetivo. Será este nosso modelo durante o curso.

 

PESQUISA ESCOLAR: ROTEIRO BÁSICO

 

Título

Aqui o aluno irá decidir o nome da pesquisa, que poderá ser modificado à medida que novas abordagens podem vir a ser realizadas. O título deve ser vinculado à idéia principal abordada na pesquisa.

 

Objetivo

Neste momento, deve ser definida a finalidade do trabalho, a meta principal a ser alcançada em torno do tema escolhido. O grupo deve se perguntar qual a contribuição desta pesquisa para quem a lê. Pode ser dividido entre objetivo geral e objetivos específicos.

 

Justificativa

Chegou a hora de defender o assunto escolhido com argumentos sobre a relevância, a importância do mesmo.

 

Metodologia

Trata-se da forma com que o grupo irá obter as informações: através de leituras, vídeos, fichamento dos dados, etc.

Cronograma

É o tempo necessário para finalização do projeto.

 

Orçamento

O total de custos com base nos recursos gastos.

 

Bibliografia

Apontamento das referências bibliográficas que serão utilizadas.

 

Produto final

O modo como a pesquisa será apresentada: trabalho escrito e vídeo, trabalho escrito e seminário, trabalho escrito e slides, etc.

 

Apresentação

Chegou a hora de compartilhar o esforço. Parabéns!

 

¹ BAGNO, Marcos. Pesquisa na escola: o que é, como se faz. São Paulo: Edições Loyola, 2000.

Planejamentos mensais – 1º ano

1 aulas de 50 minutos às quartas; 1 aulas de 50 minutos às sextas; Total de 81 aulas no ano letivo de 2011.


FEVEREIRO

2 dias letivos: 23 e 25.

Conteúdo programático: Introdução à Literatura: definições e conceitos fundamentais (leitura, texto, intertexto, contexto). Aprofundamento sobre a questão da leitura: história dos hábitos de leitura, da paixão pelos livros e, por outro lado, de sua destruição ao longo dos séculos.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 1 a 10 da apostila Literatura 1M1. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Apresentar os conceitos fundamentais da Literatura que serão utilizados nos demais anos do Ensino Médio.

Tarefa: Atividades das páginas 2 e 3 da apostila Literatura 1M1.

MARÇO

8 dias letivos: 2, 4, 11, 16, 18, 23, 25, 30.

Conteúdo programático: Ficção, intertextualidade e figuras de linguagem. Primórdios da representação literária: mitologia e arte greco-romana.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 11 a 39 da apostila Literatura 1M1. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Apresentar e aprofundar os conceitos de ficção e intertextualidade, que serão utilizados nos demais anos do Ensino Médio. Identificar e utilizar figuras de linguagem recorrentes na Literatura (metáfora, metonímia, elipse, pleonasmo, anáfora, entre outras). Conhecer os principais elementos da mitologia greco-romana e a persistência de sua influência até os dias de hoje.

Tarefa: Atividades das páginas 7 a 40 da apostila Literatura 1M1. Pesquisa Orientada sobre a relação entre Samba e Literatura.

ABRIL

Dias letivos: 2, 4, 11, 16, 18, 23, 25, 30.

Conteúdo programático: Continuação do conteúdo de Março: Ficção, intertextualidade e figuras de linguagem. Primórdios da representação literária: mitologia e arte greco-romana.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 11 a 39 da apostila Literatura 1M1. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Apresentar e aprofundar os conceitos de ficção e intertextualidade, que serão utilizados nos demais anos do Ensino Médio. Identificar e utilizar figuras de linguagem recorrentes na Literatura (metáfora, metonímia, elipse, pleonasmo, anáfora, entre outras). Conhecer os principais elementos da mitologia greco-romana e a persistência de sua influência até os dias de hoje.

Tarefa: Atividades das páginas 7 a 40 da apostila Literatura 1M1. Pesquisa Orientada sobre a relação entre Samba e Literatura, etapa 2: redação do texto-base, organização dos capítulos e finalização.

MAIO

Dias letivos: 2, 4, 11, 16, 18, 23, 25, 30.

Conteúdo programático: Escolas literárias; períodos literários: definições, características e problemas.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 1 a 9 da apostila Literatura 1M2. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Identificar, através da leitura de textos de diversos gêneros e épocas, as diferentes escolas e períodos literários que surgiram ao longo da história. Problematizar a noção de “escola literária” a fim de que se percebam suas limitações estéticas e políticas, bem como seu papel na formação do cânone.

Tarefa: Atividades das páginas 1 a 9 da apostila Literatura 1M2.

JUNHO

Dias letivos: 2, 4, 11, 16, 18, 23, 25, 30.

Conteúdo programático: Quinhentismo brasileiro.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 10 a 20 da apostila Literatura 1M2. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Discutir as representações do Brasil no século XVI, a literatura informativa dos cronistas portugueses e a literatura pedagógica e catequista dos jesuítas.

Tarefa: Atividades das páginas 11 a 20 da apostila Literatura 1M2.

JULHO

Dias letivos: 2, 4, 11, 16, 18, 23, 25, 30.

Conteúdo programático: Barroco; Padre Antônio Vieira; Gregório de Matos.

Metodologia: Aulas expositivas e dialogadas sobre o conteúdo das páginas 1 a 20 da apostila Literatura 1M1 – Barroco. Apresentação, com auxílio da lousa digital e recursos multimídia, de diferentes formas de arte (música, artes visuais, artes performáticas, escultura) que dialogam com os conteúdos. Fixação do conteúdo através dos exercícios da apostila e perguntas abertas feitas à classe de modo a estimular a participação e o debate.

Objetivo: Conhecer as manifestações artísticas barrocas, a ligação entre a Literatura barroca e as demais artes e o contexto histórico no qual o Barroco surgiu; ler e discutir textos de autores correspondentes a essa estética.

Tarefa: Atividades das páginas 3 a 20 da apostila Literatura 1M1 – Barroco.

Pesquisa orientada: samba e literatura

Olá!

Esta é uma semana especial em nossa disciplina. Às vésperas do Carnaval, um dos grandes acontecimentos culturais brasileiros, nada mais justo que dedicarmos um par de aulas ao tema, associando-o à nossa disciplina.

Como parte do conjunto de avaliações do trimestre, faremos uma pesquisa orientada sobre o samba. A ideia é elaborar uma pesquisa seguindo os passos fundamentais desse tipo de trabalho: a definição de um objeto (o samba); a delimitação teórica (o assunto, fenômeno ou tema que será observado nesse objeto); a elaboração do roteiro do trabalho escrito (um “mapinha” do que vamos escrever e de como vamos escrever); as fontes de consulta nas quais iremos buscar informações sobre o assunto.

Assistimos na aula de hoje a trechos do documentário “O mistério do samba“. Abaixo disponibilizo o vídeo na íntegra (fonte: Youtube). Veja-o novamente se não fizeste notações durante a aula e tente responder a uma pergunta bem objetiva:

Qual o principal (ou quais os principais) tema(s) presentes nas canções e nos depoimentos desse documentário?

Traga na próxima aula anotações e comentários que procurem responder a essa questão. Ela será um importante ponto de partida para nossa pesquisa, que por sua vez será nossa principal avaliação neste semestre.

Peça ajuda aos pais ou responsáveis ou mesmo a alguém que consideres apto a responder a questão. Qualquer dúvida pode ser postada aqui mesmo, utilizando os comentários.

Mãos à obra!